Ufersa recebe prêmio por 2º lugar no Desafio da Sustentabilidade

unnamedCom o prêmio de 1 milhão de reais recebido pelo 2º lugar no Projeto Desafio da Sustentabilidade do Prêmio Ideia – MEC, a Universidade Federal do Semi-Árido irá instalar grids de painéis solares nas coberturas de edificações centrais de prédios como Biblioteca, Reitoria, Restaurante Universitário e Centro de Convivência.
Entre as centenas de propostas sugeridas na competição, a Ufersa realizou um estudo técnico para avaliar quais das propostas seriam mais adequadas, tendo em vista a atual fatia orçamentária reservada para água e energia elétrica. A conclusão é que os painéis solares são extremamente eficientes para uso no Semiárido, a região chega a apresentar cerca de 3.000 horas de incidência solar por ano.
De acordo com o comitê de mobilização do Prêmio, os pinéis solares também sensibilizam e despertam a atenção da comunidade para o uso da tecnologia em práticas sustentáveis. “Eles se prestam também como uma interessante ferramenta de Educação. A proposta submetida ao MEC prevê a aquisição e instalação de controladores de demanda, que asseguram um controle sobre a energia elétrica utilizada”, explica a professora Diana Lunardi, membro do Comitê.
Dessa forma, a tecnologia dos painéis solares será usada na Ufersa como ferramenta de monitoramento e gestão do uso de energia elétrica a fim de reduzir o consumo energético.
O reitor José de Arimatea participou diretamente da disputa motivando a comunidade e ressalta a importância do Prêmio para a instituição. “A conquista é resultado da motivação de toda a Instituição que se envolveu no propósito de garantir a Ufersa como uma instituição ativa e participativa na busca por soluções sustentáveis”, ressalta o reitor.