Frente antecipa debate para Conferência dos Direitos da Criança

As discussões em torno da próxima Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescentes de Natal já começaram na Câmara Municipal em reunião da Frente Parlamentar em defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, coordenada pela vereadora Júlia Arruda (PSB). Da audiência realizada nesta manhã (26), participaram vereadores, representantes de ONGs e conselhos, Ministério Público e Secretarias estadual e Municipal de Assistência Social.
De acordo com a presidente do COMDICA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente), Ivanise Laurentino, a conferência está prevista para ocorrer nos dias 12 e 13 de maio, no Hotel Praiamar, precedida de conferências independentes no próximo mês. “Trabalhamos para que daí se construa o cenário atual promovendo a articulação entre os órgãos e entidades para chegarmos às propostas e encaminhamentos”, disse.
Para o promotor da Infância e da Juventude, Marcus Aurélio, o relatório que resultará da conferência será importante para se encontrar soluções e estratégias para graves problemas de violação aos direitos da criança. “Vivenciamos ainda problemas graves na área de trabalho infantil, exploração sexual, educação, que precisam ser enfrentados. A conferência vai embasar os conselhos para que se reflita esses desafios e os direitos se tornem realidade”, diz o promotor.
Durante a reunião da Frente Parlamentar a ONG “Atitude Cooperação” foi homenageada pela vereadora Júlia Arruda que entregou o diploma de reconhecimento da Câmara pelos relevantes serviços prestados pela entidade. A ONG é uma iniciativa de responsabilidade social da empresa Unimed e atende crianças a partir de 5 anos na Zona Oeste de Natal oferecendo aulas de música clássica, atendimento médico, esporte, entre outros. “É importante termos esse reconhecimento do trabalho para o desenvolvimento social das crianças que tem promovido significativa mudança na perspectiva de vida das crianças e famílias atendidas”, comemorou o coordenador da entidade, Hewerton Cortez
Júlia destacou que é importante o reconhecimento de entidades que colaboram com o trabalho de valorização dos direitos infantojuvenis e que a Frente Parlamentar tem cumprido com seu papel de articular as entidades e instituições em torno desse objetivo. “Nos antecipamos ao debate da conferência, estimulando e convocando toda a sociedade e instituições a se articularem em busca da solução dos problemas que violam os direitos das crianças”, disse a parlamentar.

Faça um comentário, sua opinião é muito importante para nós.