Adutora Monsenhor Expedito volta a funcionar normalmente

O funcionamento da adutora Monsenhor Expedito, que teve que ser desligada para o reparo de dois vazamentos detectados embaixo da ponte localizada no distrito de Timbaúba, entre Monte Alegre e Lagoa Salgada, já está normalizado desde a noite de ontem. Durante a realização do conserto dos vazamentos por uma equipe da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), o abastecimento esteve suspenso para 30 cidades e comunidades rurais atendidas pela adutora.
O gestor da Unidade de Abastecimento da Regional Litoral Sul, Dídimo de Oliveira Dantas, informou que a equipe trabalhou durante todo o dia da quarta-feira. A tubulação, de 600 milímetros, fica localizada sob a ponte. Com o término do serviço, o bombeamento foi ligado ontem mesmo.
CIDADES – As cidades atendidas pela adutora Monsenhor Expedito são: Lagoa de Pedras, Lagoa Salgada, Boa Saúde, Serrinha, São José de Campestre, Lagoa D’Anta, Passa e Fica, Serra Caiada, Elói de Souza, Tangará, Santa Cruz, Bom Jesus, São Pedro do Potengi, Ielmo Marinho, São Paulo do Potengi, Santa Maria, Lagoa de Velhos, Barcelona, Rui Barbosa, São Tomé, Sítio Novo, Lajes Pintada, Serra de São Bento, Monte das Gameleiras, São Bento do Trairi, Coronel Ezequiel, Japi, Campo Redondo, Monte Alegre e Jaçanã.
Além das localidades acima, também são atendidas várias comunidades rurais.

Faça um comentário, sua opinião é muito importante para nós.